Notícias e eventos

Exposição na Biblioteca Central retrata os 65 anos de história do Centro Pedagógico


Acervo CP - Alunos plantam a primeira árvore do CP no Campus Pampulha em 1972.

Em 1954 era criado, na rua Carangola, o Colégio de Aplicação da UMG – atual Centro Pedagógico da UFMG (CP) – para que nele se fizesse a prática de ensino dos licenciados dos diversos cursos de didática.  O colégio cresceu, foi transferido para o Campus Pampulha na década de 70 e diversificou seu público e suas atividades. Parte dessa história será retratada na exposição CP 65 Anos do Colégio de Aplicação, cuja abertura acontecerá na próxima segunda-feira (17), às 18h, no mezanino da Biblioteca Central.

Por meio de objetos, mobiliário, documentos, fotos da escola e materiais utilizados no ensino escolar – linha, feltro, caderno, entre outros – a exposição tem por objetivo dar visibilidade ao trabalho realizado pelo Centro Pedagógico. “Por ser uma escola de educação básica, muitas vezes o CP passa invisibilizado, mas é importante ressaltar que todo o trabalho de pesquisa e extensão que existe nas demais unidades da Universidade, o CP também faz, mesmo tendo um público diferenciado. A celebração dos 65 anos do Centro Pedagógico é um momento de mostrar o que a escola tem feito pela Universidade”, afirma a professora Sílvia Amélia de Souza, curadora da mostra.

Sílvia explica que a exposição será organizada em eixos. Em um deles, uma linha do tempo trará a história oficial – datas marcantes do colégio – bem como a história do cotidiano, registrado em fotos. Ela aponta, como uma das datas marcantes, o ano de 1993, quando o CP começou a adotar o sistema de sorteio para a entrada dos estudantes, democratizando o acesso e diversificando o público da escola. O processo de seleção dos alunos se dava, inicialmente, por meio de provas de conhecimentos.

Já no eixo “relíquias do passado” serão apresentados alguns objetos ‘curiosos’ da história da escola. Haverá, ainda, eixos que retratam memórias da comunidade – alunos e seus familiares – sobre o Centro Pedagógico, bem como vídeos com depoimentos dos estudantes que puderam usufruir do parquinho que existia até 2015 no CP e que está em processo de ser novamente viabilizado.

“A exposição foi feita com pouquíssimos recursos, então tivemos que ser muito inventivos para dar conta, nesse momento de cortes de verbas e contingenciamento, de conseguir pensar em soluções criativas para apresentar uma história tão interessante. E, mesmo com toda a simplicidade, a exposição trará o afeto com que lidamos com nosso público na escola”, enfatiza Sílvia.

A abertura da mostra CP 65 Anos do Colégio de Aplicação, na próxima segunda-feira (17), às 18h, contará com a presença da reitora da UFMG, Sandra Goulart, e de ex-estudantes da escola, como o vice-prefeito de Belo Horizonte, Paulo Lamac. A mostra ficará em cartaz até o dia 31 de agosto, com horário de visitação de segunda a sexta, das 7h30 às 22h.

O CP em números

Atualmente, o Centro Pedagógico possui 448 estudantes - sendo 7% desse número, estudantes da cota de inclusão, 43 professores em formação, 45 monitores estudantes da UFMG, 114 estagiários de diversas licenciaturas e de outras universidades, 210 alunos da Educação de Jovens e Adultos (EJA) e 380 estudantes de residência docente – professores em formação continuada.

 

Joomla templates by a4joomla